Marcos Freitas e Tiago Apolónia vão disputar o torneio individual de ténis de mesa nos Jogos Olímpicos Tóquio2020, juntando-se João Monteiro na competição por equipas, confirmou hoje a federação internacional.

Portugal, que assegurou a presença coletiva no torneio de qualificação olímpica, disputado em Gondomar, em janeiro de 2020, repete a formação apresentada em Londres2012 e no Rio2016, competições que terminaram nos quinto e nono lugares, respetivamente.

Esta vai ser a quarta presença olímpica dos três jogadores, que estrearam a representação portuguesa em Jogos Olímpicos no torneio individual de Pequim2008, com os 33.ºs lugares de Apolónia e Monteiro e o 17.º de Freitas.

Apolónia disputou apenas o torneio coletivo em Londres2012, tendo Freitas e Monteiro repetido as classificações individuais, e, no Rio2016, tal como será na próxima edição dos Jogos, foi Monteiro a integrar apenas a equipa, com Freitas a alcançar o quinto lugar – a melhor classificação lusa em Jogos – e Apolónia o 17.º.

Portugal vai contar ainda com Fu Yu e Shao Jieni nos torneios individuais femininos. Ambas estiveram presentes no Rio2016, tendo sido eliminadas na segunda roda (33.º posto).

Fu Yu garantiu o ‘passaporte’ ao chegar à final dos Jogos Europeus de 2019, em Minsk, que viria a vencer, enquanto Shao Jieni assegurou a segunda presença olímpica graças ao ‘ranking’, depois de ter falhado o apuramento direto no torneio de qualificação, em Guimarães.

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 realizam-se de 23 de julho a 08 de agosto de 2021.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.