A Sky, equipa de ciclismo que Chris Froome representa, já completou o estudo farmacocinético que vai apresentar como defesa do ciclista britânico que acusou positivo num controlo antidoping. De acordo com o jornal espanhol AS, a equipa pretende comprovar que o ciclista não utilizou doping, mas si que o organismo de Froome não mebolizou bem o salbutamol, substância detetada no controlo antidoping da Volta a Espanha-

Frooem tem uma isenção terapêutica por ser asmático. A Fundação Antidopagem da União Ciclista Internacional (UCI) vai agora estudar o relatório e determinará se vai existir uma sanção. Caso seja sancionado, Froome perderia a sua primeira Vuelta para Vincenzo Nibali.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.