O Sevilha, que empatou no terreno do Villanovense, e o Espanyol derrotado em Cadiz, desperdiçaram esta quinta-feira a possibilidade de 'resolver' já a eliminatória da Taça do Rei de Espanha e vão ter de se aplicar na segunda 'mão'.

Atual terceiro na Liga espanhola, o Sevilha poupou muitos titulares e não foi além de um 'nulo' em Villanueva de la Serena, perante um adversário da II Liga B.

Menos fácil era a deslocação do Espanyol, já que o Cadiz é do segundo escalão do futebol em Espanha. A vitória gaditana deixa a eliminatória em aberto, até ao jogo de Barcelona.

O português Salvador Agra fez a assistência para o segundo golo do Cádis (Azamoun, aos 41 minutos). Antes, tinham 'faturado' Lekic (01), a adiantar o Cadiz, e Javi Puado, que empatou aos 36.

Problemas também para o Eibar (com Paulo Oliveira), da Liga principal, que caiu por 2-0 em Gijón, cujo clube milita no segundo escalão.

Melhor se saiu o Bétis, sem William Carvalho, vencedor do Santander (da II Liga B) no terreno deste, por 1-0.

Celta de Vigo e Real Sociedad, ambos da primeira Liga, empataram 1-1, e o Almeria-Villareal fechou com 3-3.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.