A Federação Tunisina de Futebol (FTF) revelou hoje que sete jogadores da seleção, que participa na Taça das Nações Africanas 2021 (CAN), testaram positivo para o coronavírus, que provoca a covid-19, e encontram-se em isolamento.

Segundo o organismo, os infetados são os guarda-redes Ali Jemal e Aymen Dahmène, os defesas Mohamed Amine Ben Hmida e Ali Maâloul, os médios Mohamed Ali Ben Romdhane e Ghaylène Chaâli, e o avançado Wahbi Khazri.

Em sentido inverso, o defesa Mohamed Dräger recebeu alta, após ter recuperado da infeção.

Na quinta-feira, a equipa comanda por Mondher Kebaier, quarta colocada do Grupo F, com três pontos, defronta a Gâmbia, primeira, com quatro, os mesmos do Mali.

Para os oitavos de final da competição, apuram-se os dois primeiros classificados dos seis grupos, mais os quatro melhores terceiros da fase de grupos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.