Os Boston Celtics, liderados pelo extremo Jayson Tatum, empataram hoje 2-2 a final da Conferência Este da Liga Norte-americana de Basquetebol (NBA), ao imporem-se de forma categórica na receção aos Miami Heat, por 102-82.

Tatum foi o melhor marcador destacado da partida, com 31 pontos, tendo ainda capturado oito ressaltos e efetuado cinco assistências, permitindo aos Celtics reequilibrar a eliminatória e manter-se na corrida pela final da NBA, na qual poderão estabelecer um novo recorde de títulos, com 18.

O extremo foi bem secundado por Payton Pritchard, autor de 14 pontos, Derrick White (13 pontos, oito ressaltos e seis assistências), Jaylen Brown e Robert Williams (ambos com 12 pontos), mas a equipa de Boston beneficiou também do domínio junto ao cesto do dominicano Al Horford, que terminou com 13 ressaltos e quatro desarmes de lançamento.

A formação anfitriã entrou a todo o gás, alcançando uma vantagem de 18 pontos no primeiro parcial (29-11), que ampliou para 24 ao intervalo (57-33) e geriu nos dois seguintes, mantendo sempre o adversário a distância segura.

Os Celtics alcançaram um triunfo importante antes da deslocação a Miami, onde corriam o risco de ser eliminados caso perdessem o encontro de segunda-feira, uma vez que as finais de conferência se disputam à melhor de sete jogos e a equipa que vencer quatro apura-se para a decisão do título.

A formação de Boston já esteve por duas vezes em desvantagem: perdeu o embate inaugural por 118-107, mas reagiu de imediato e venceu o segundo por robusto 127-102, ambos em Miami, antes de se estrear em casa com uma derrota por 109-103, à qual respondeu na segunda-feira com a preciosa ajuda de Tatum.

Do lado de Miami, Victor Oladipo foi o mais concretizador, com 23 pontos, insuficientes para evitar o triunfo volumoso dos Celtics, que detêm o recorde de títulos do mais importante campeonato de basquetebol mundial, com 17, em igualdade com os Los Angeles Lakers.

O vencedor do confronto entre Celtics e Heat vai defrontar na final da NBA o vencedor da Conferência Oeste, que parece bem encaminhada para os Golden State Warriors, que estão em vantagem por 3-0 sobre os Dallas Mavericks e a apenas um triunfo desse objetivo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.