Dois atletas amadores morreram durante a Meia Maratona que se realizou no domingo na capital do México devido um ataque cardíaco, numa das mais importantes provas de corrida do país que envolveu cerca de 25.000 concorrentes.

O Ministério da Segurança Pública e o Instituto do Desporto da Cidade do México confirmaram a morte de Humberto Lazaro Gomez, que desfaleceu a um quilómetro da meta. O homem de 59 anos foi levado para o hospital, onde morreu.

A outra vítima mortal, também resultante de um ataque cardíaco, era um homem de 62 anos que participou na corrida sem estar inscrito.

A Meia Maratona da Cidade do México percorreu várias das principais avenidas da capital e foi dominada por corredores africanos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.