A seleção portuguesa de andebol feminino perdeu hoje com a Espanha por 26-24 nas meias-finais do torneio dos Jogos do Mediterrâneo Oran2022, jogando na quarta-feira pela medalha de bronze.

Num jogo equilibrado que acabou por pender para as espanholas, Portugal até saiu em vantagem para o intervalo, por 13-12, mas acabou por consentir a reviravolta das ‘vizinhas’, no pavilhão do Complexo Olímpico de Oran.

Carmen Costa foi a principal ‘artilheira’ da partida, pendendo a balança para a ‘roja’ com 10 golos, enquanto nas portuguesas Mihaela Minciuna foi a principal anotadora, com seis tentos.

A seleção portuguesa passou a fase de grupos, em que perdeu com a Sérvia (21-20) e venceu a Turquia (30-26) e a Macedónia do Norte (19-17), para chegar ao quadro final, no qual vai jogar para o terceiro lugar.

Pelo bronze, em encontro agendado para quarta-feira, último dia de Oran2022, Portugal vai defrontar Sérvia ou Croácia, o derrotado da outra meia-final, pelas 09h00 em Oran.

Portugal tem agora 21 medalhas na prova, somando os ouros de Leandro Ramos, João Coelho, Cátia Azevedo, Diogo Ribeiro, Camila Rebelo e Rafael Reis, à prata de Maria Inês Barros, Ana Catarina Monteiro, Diogo Ribeiro, Daniela Campos, Jieni Shao, Lorène Bazolo, Liliana Cá e da equipa masculina de ténis de mesa, e os bronzes de Rafaela Azevedo, Lorène Bazolo, Evelise Veiga, Filipa Martins, Tiago Pereira, João Geraldo e da equipa feminina do ténis de mesa.

Os Jogos do Mediterrâneo Oran2022 arrancaram em 25 de junho e decorrem até quarta-feira, com mais de três mil atletas de 26 países diferentes, incluindo 159 portugueses em 20 disciplinas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.