Declarações de Diogo Jota, jogador de Portugal, após o empate 2-2 com a Sérvia.

Análise ao jogo: "Uma primeira parte muito boa, estando a vencer por 2-0 na Sérvia. Estava feito o mais difícil, mas eles mudaram o esquema tático. A Sérvia tem mérito, empolgaram-se, não conseguimos conter. Não pode acontecer a este nível. Tivemos uma bola no fim que nos podia ter dado a vitória."

Reação da Sérvia: "Eles têm mérito, mas não podemos deixar que em 15 minutos possamos sofrer dois golos. Temos de ser mais pragmáticos e matar o jogo. Não podemos deixar contra-ataques acontecerem desta forma. O que aconteceu não pode voltar a acontecer."

A seleção portuguesa de futebol empatou este sábado 2-2 com Sérvia, depois de chegar ao intervalo a vencer por 2-0, em encontro da segunda jornada do Grupo A europeu de apuramento para o Mundial de 2022, em Belgrado. Diogo Jota marcou os dois primeiros golos do encontro, aos 11 e 36 minutos, para um total de cinco na seleção ‘AA’, em 11 jogos, mas, na segunda parte, Aleksandar Mitrovic, aos 46, e Filip Kostic, aos 60, restabeleceram a igualdade.

Com este resultado, Sérvia e Portugal, que se tinham estreado na quarta-feira com triunfos, face a República da Irlanda (3-2) e Azerbaijão (1-0), respetivamente, repartem a liderança do agrupamento, com quatro pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.