O futebolista do Sporting João Palhinha foi hoje multado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) pelo sexto cartão amarelo na I Liga portuguesa, mas sem qualquer jogo de suspensão.

O médio dos ‘leões’, que já não tinha cumprido castigo quando viu o quinto amarelo na prova, foi admoestado no jogo com o Famalicão, da 26.ª jornada do campeonato, sendo multado em 102 euros pelo CD da FPF, que reconheceu que se tratava do sexto cartão amarelo na prova do médio ‘leonino’.

O internacional português foi castigado com um jogo em 27 de janeiro, em processo sumário, na sequência do quinto amarelo no campeonato, visto no encontro frente ao Boavista, da 15.ª jornada da I Liga, tendo o pleno da secção profissional do Conselho de Disciplina (CD) da FPF considerado improcedente o recurso do jogador.

O médio apresentou uma providência cautelar no Tribunal Central Administrativo do Sul, para suspender a eficácia do castigo, acabando por ser utilizado pelo treinador ‘leonino’, Rúben Amorim, na vitória frente ao rival Benfica, por 1-0, no dérbi da 16.ª jornada da I Liga, em 01 de fevereiro.

Em março, Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) suspendeu o castigo de um jogo ao futebolista, pelo quinto amarelo que recebeu na I Liga, mas não retirou o cartão.

João Palhinha, que viu amarelos na I Liga nas rondas 1, 6, 9, 10, 15 e 26, vai assim estar ao dispor do técnico Rúben Amorim para deslocação do Sporting, líder do campeonato, ao Farense, na sexta-feira, em jogo da 27.ª jornada da I Liga portuguesa.

Na edição 2020/21 da I Liga portuguesa de futebol, o médio do Sporting foi o único jogador que atingiu o quinto cartão amarelo e não cumpriu o respetivo castigo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.