Sporting e FC Porto têm já uma vantagem de sete e dez pontos para o Benfica, que, no espaço de uma semana, ficou fora da Taça e viu ser cavado um fosso ainda maior para os rivais, além de acertar a saída do treinador Jorge Jesus. Porém, a derrota do Sporting nos Açores pode permitir aos encarnados reduzir a desvantagem para quatro pontos face ao vizinho lisboeta.

Nélson Veríssimo subiu da equipa B para a principal, já na segunda derrota no Dragão, e no domingo terá o primeiro jogo na Luz, com a receção ao Paços de Ferreira, num momento em que dificilmente os adeptos perdoam qualquer deslize às 'águias'.

Grimaldo, que falhou o segundo jogo no Porto, deverá voltar, recuperado da infeção pelo coronavírus, num cenário que poderá também abrir a possibilidade de César Peixoto orientar os pacenses, se cumprido o período de isolamento.

Também há más notícias para Nuno Veríssimo. O médio Pizzi e os avançados Yaremchuk e Radonjic testaram positivo para COVID-19 e terão de cumprir isolamento. Para Pizzi é a segunda vez que está infetado com COVID-19, já que em dezembro de 2020, tinha estado afastado dos relvados pelo mesmo motivo.

Os três juntam-se a Mile Svilar, guarda-redes que tem jogado mais na equipa secundária. O jovem belga foi o primeiro a testar positivo para COVID-19 em 2022, ele que já tinha estado infetado com o novo coronavírus em 2020.

Guia de Forma

O Benfica, terceiro classificado, chega a este encontro após duas derrotas consecutivas, ambas diante do FC Porto no Estádio do Dragão: 3-0 para a I Liga e 3-1 para a Taça de Portugal. Entre as duas partidas perdeu o seu treinador principal, Jorge Jesus, que foi substituído por Nelson Veríssimo.

No entanto, o Benfica venceu os três últimos jogos realizados em casa e, para o campeonato, a formação encarnada marcou e sofreu nos cinco últimos jogos.

Com 47 golos marcados, o Benfica tem o melhor ataque desta edição da I Liga

O Paços de Ferreira, atual 10.º classificado, chega ao embate na Luz após duas vitórias consecutivas.

Histórico de confrontos

Na I Liga Portugal, realizaram-se 44 jogos entre as duas equipas, com 36 vitórias do Benfica, 4 empates e 4 triunfos do Paços de Ferreira

No Estádio da Luz, palco do jogo desta tarde, o Benfica apresenta fortíssima vantagem nos duelos frente aos castores, com 25 vitórias em 27 jogos. Os pacenses venceram em apenas uma ocasião.

As duas equipas já se defrontaram por 53 vezes, com os encarnados a apresentarem clara vantagem: 44 vitórias, contra quatro triunfos dos pacenses. A equipa encarnada venceu ainda os oito últimos jogos frente ao Paços e venceu as 10 últimas receções à equipa nortenha.

Mais, o Benfica marcou em todos os jogos realizados em casa frente ao Paços, que só venceu uma vez na Luz - e há já mais de 20 anos: 2-3 em 2000-01.

A última vez que o Paços de Ferreira não perdeu em casa do Benfica foi em 2012-13, quando se registou um empate a um golo nas meias-finais da Taça de Portugal

As duas equipas já se defrontaram esta época, também em Lisboa, com vitória dos encarnados por 4-1 na Taça de Portugal.

O que dizem os treinadores

O treinador do Paços de Ferreira, César Peixoto, reconheceu dificuldades na preparação para o Benfica, esperançado em poder aproveitar o momento menos bom do adversário, em jogo da I Liga de futebol marcado por muitas ausências. O técnico pacense, que só regressou no sábado a Paços de Ferreira, após uma semana de isolamento por teste positivo à covid-19, recusou ainda a ideia de um Benfica fragilizado pelas ausências, lembrando que ele também perdeu jogadores.

Já o treinador do Benfica disse que a derrota do Sporting frente ao Santa Clara não é um incentivo extra, mas assumiu o objetivo de encurtar distâncias para ‘leões’ e FC Porto na I Liga de futebol. Em conferência de imprensa de antevisão do encontro, Nelson Veríssimo foi o primeiro a lembrar que “ganhando, o Benfica pode “encurtar a distância para um deles”, mas frisou que a pressão da sua equipa é sempre a de “lutar em todos os jogos pela vitória”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.