Gonzalo Plata viu de repente a sua situação complicar-se em Espanha, depois ter acusado álcool num acidente a envolver a viatura do futebolista e um táxi no país vizinho e que resultou em três feridos.

O jogador foi apanhado com uma taxa de alcoolemia de 0,6 gramas, o dobro da permitida em Espanha.

Agora o extremo de 21 anos, que está a realizar uma boa temporada ao serviço do Valladolid, pode ter piorado a sua situação no clube.

De uma multa pesada do clube espanhol não se deve livrar, depois do Valladolid ter reagido com o veemência ao sucedido. O jogador poderá ter ainda que responder judicialmente.

"O Real Valladolid deplora o comportamento do seu jogador, Gonzalo Plata, que, tendo em conta as informações recebidas, esta madrugada sofreu um acidente de viação no centro da cidade. Preservando a intimidade do jogador, o clube reserva-se a tomar as medidas disciplinares oportunas e abrirá o processo correspondente quando tiver toda a informação. Lamentamos de igual modo as lesões sofridas pelas pessoas que estiveram envolvidas no acidente, as quais, por sorte e em função das informações de que dispomos, se encontram bem. Independentemente da responsabilidade individual do jogador, e sem prejuízo das medidas que Justiça tomar a este respeito, o regulamento interno e o Código de Conduta do clube, são claros sobre este tipo de atitudes, que atentam contra os nossos valores como instituição", pode ler-se.

Adianta o jornal Record que o Sporting tem estado atento ao que se passou e que inclusivamente já falou com o Valladolid e com Gonzalo Plata. Em cima da mesa há três cenários: O fim do empréstimo, uma ação disciplinar ou o regresso imediato a Alvalade.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.