O médio do Barcelona Sérgio Busquets veio hoje defender o selecionador da seleção espanhola de futebol, Vicente del Bosque, depois das críticas lançadas pelo português José Mourinho à eleição do melhor treinador de 2012 pela FIFA.
Em entrevista à RTP, Mourinho, treinador do Real Madrid, disse que não tinha estado na Gala da Bola de Ouro no passado mês de janeiro, por considerar que existiram irregularidades na contagem dos votos.
Quando confrontado com o assunto, Busquets afirmou que o prémio «foi mais do que merecido» para Del Bosque, campeão da Europa em 2012 pela Espanha, e que a seleção espanhola não quer «entrar em polémicas».
O médio espanhol afirmou ainda que o selecionador está neste momento apenas concentrado nos próximos jogos da seleção espanhola, com a Finlândia e a França, a contar para a qualificação para o Mundial de 2014, no Brasil, e que Del Bosque está «tão bem como sempre esteve».
Ainda sobre este assunto, o médio espanhol ex-Benfica Javi Garcia, atualmente no Machester City, veio também reforçar que «o prémio foi conquistado pelo selecionador espanhol, que fez grandes feitos para o merecer».

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.