O português Danilo Pereira marcou hoje à noite o primeiro golo da vitória do Paris Saint-Germain, por 2-1, iniciando a recuperação de um jogo em que os parisienses tiveram muito mais problemas do que seria de esperar.

A perder por 1-0 ao intervalo, o PSG só aos 69 minutos restabeleceu a igualdade, com um cabeceamento do português, a centro de Kylian Mbappé, jogador que viria a dar a vitória ao clube da capital aos 87 minutos, de grande penalidade, neste jogo da 10.ª jornada da liga francesa de futebol.

Ficava assim anulada a vantagem do Angers, construída aos 36 minutos com o golo de Fulgini, e o líder do campeonato regressava às vitórias, após ter sido surpreendido na ronda anterior pelo Rennes, por 2-0.

O PSG pode uma vez mais queixar-se da janela para jogos internacionais, que o privou de seis sul-americanos, alguns bem essenciais na sua manobra ofensiva - Messi, Di Maria, Paredes, Neymar, Marquinhos, Navas.

Mbappé, com um golo e uma assistência, acabou por ser o homem do jogo, em que também foi essencial o luso Danilo Pereira, a estrear-se a marcar esta época. Já Nuno Mendes, não saiu do banco dos suplentes.

O próximo compromisso do PSG, já com a presença das vedetas sul-americanas, é terça-feira, na receção ao RB Leipzig.

Na classificação da Liga francesa, os parisienses chegam aos 27 pontos, contra 18 do Lens, que tem menos um jogo, e 16 do Nice, que tem menos dois. O Angers é quarto, igualmente com 16 pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.