Declarações de Rúben Amorim, treinador do Sporting, após o triunfo (4-1) sobre o Besiktas, no Vodafone Park, da 3.ª jornada do Grupo C da Liga dos Campeões.

Análise ao jogo: "Acreditava na vitória e acreditava que íamos fazer um grande jogo. Os primeiros 15 minutos foram muito difíceis, mas o golo do Coates deixou-nos mais tranquilos. Sofremos o 1-1, mas voltámos para a frente. O jogo com o Ajax foi muito parecido com este, em que tivemos mais oportunidades para marcar. O resultado não quer dizer que tenha corrido tudo bem, mas houve coisas que nos ajudaram."

Melhorias na equipa: "Defenderam bem e atacaram bem. Tirámos muita gente do jogo, foi assim que evitámos muitos lances de perigo, e tivemos várias oportunidades. Podíamos ter feito mais golos."

Importância do golo de Paulinho: "Só a partir do golo do Paulinho é que senti que estava ganho, porque estávamos a falhar muitas oportunidades. Se o Besiktas faz o 2-3 aos 90... Já tivemos situações em que marcámos dois golos nos descontos e podia acontecer o mesmo. A partir do 4-1 senti que o jogo estava decidido."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.