Mario Diks, um dos árbitros assistentes do Sérvia-Portugal, de qualificação para o Mundial 2022, foi afastado da equipa de arbitragem liderada por Danny Makkelie e vai, por isso, falhar a presença no Europeu deste ano. A revelação foi feita pelo próprio auxiliar, em declarações à estação televisiva Omrop Fryslan.

"É uma grande desilusão para mim, mesmo antes do Campeonato da Europa. No dia 31 de março, Makkelie disse-me que prefere continuar com outro assistente, porque a confiança na minha cooperação desapareceu", explicou Diks.

"Esperava outro tipo de apoio, compreensão e confiança depois da nossa colaboração bem sucedida nos anos recentes", acrescentou.

No encontro disputado a 27 de março, com a partida empatada 2-2, Cristiano Ronaldo enviou a bola para a baliza deserta, já em período de compensação, mas o jogador sérvio Mitrovic afastou a bola, aparentemente já para lá da linha de baliza, sendo que o lance não foi validado por Mario Diks.

Citado pela mesma fonte, Danny Makkelie confirmou a mudança na equipa de arbitragem: "É verdade que Jan de Vries assumiu a posição de Mario Diks na nossa equipa. É uma questão interna. Temos todo o respeito pelo Mario, mas, no que concerne aos interesses da equipa [de arbitragem], não vamos tecer declarações sobre os motivos da mudança."

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.