O FC Porto garantiu este domingo a passagem aos oitavos de final da Taça de Portugal, ao vencer o Tondela por 2-1 no Dragão. Numa 'repetição' do embate de há uma semana para o campeonato - vitória dos 'dragões' por 4-3 -, o início da partida foi movimentado, com o FC Porto a adiantar-se aos quatro minutos, por Mehdi Taremi. O conjunto beirão igualou aos 20', por João Mendes, e Marega, aos 24', recolocou os 'azuis em brancos' na frente, estabelecendo o resultado final e ditando a continuidade da sua equipa na prova.

Sérgio Conceição fez cinco alterações no onze portista, em relação ao último jogo frente ao Olympiacos, para a Champions. Manafá recuperou a titularidade na defesa, depois de Nanu ter mostrado serviço na Grécia; no meio-campo, Sérgio Oliveira e Corona renderam Romário Baró e João Mário, e, à frente, Marega e Taremi entraram para os lugares de Toni Martínez e Felipe Anderson.

Já Pako Ayestarán manteve o esquema de cinco defesas, mas mudou sete peças em relação ao encontro com os 'dragões' para a I Liga - Medioub, Enzo Martínez, Jaume Grau e Mario González foram os resistentes.

À semelhança do que aconteceu há uma semana, o FC Porto só precisou de quatro minutos para chegar à vantagem. Após abertura de Corona, Mehdi Taremi rematou em esforço para a defesa de Trigueira, mas a bola ressaltou no iraniano e acabou por entrar na baliza. Os jogadores dos beirões reclamaram uma suposta mão de Mbemba na área, depois de um corte de Sérgio Oliveira, mas o central portista tem o braço junto ao corpo (não há VAR nesta fase da Taça).

Com um bloco muito fechado, o Tondela apostava na velocidade de Jhon Murillo para surpreender a defesa adversária, e foi assim que, aos 20 minutos, o venezuelano ganhou a bola a Manafá, arrancou para o contra-ataque e deixou para João Mendes, que colocou em Mário González. Diogo Costa respondeu com uma grande defesa, mas João Mendes, na recarga, encostou para a baliza deserta.

Não tardou a ripostar o FC Porto. Aos 24' Otávio ganhou o duelo com Jaquité, cruzou atrasado desde a linha de fundo, e a bola foi a saltar para Marega, que atirou de primeira para o fundo das redes.

Aos 31' Zaidu ganhou em velocidade pela esquerda, entrou na área do Tondela e tentou o desvio na cara de Trigueira, que defendeu para canto. A equipa de Sérgio Conceição estava melhor na partida, mas mostrava alguma passividade nas ações defensivas. Exemplo disso a forma como Abdel Medioub (42') irrompeu na área portista, após tabelar com Jaquité, valendo a rapidez de Diogo Costa a sair dos postes e a fazer a mancha.

A segunda parte começou com uma arrancada de Zaidu pela esquerda, a deixar dois adversários para trás e a centrar para o desvio de Marega, mas Trigueira saiu aos pés do maliano para evitar o 3-1. O 'sprint' deixou Zaidu bastante queixoso (já havia acontecido o mesmo no final da primeira parte), e Sérgio Conceição optou por lançar Luis Díaz para o lugar do nigeriano - Manafá passou para a esquerda e Corona recuou para lateral direito.

Nesta fase do jogo, o ritmo já tinha baixado substancialmente, com o FC Porto a gerir a vantagem perante um Tondela com mais dificuldades em sair com bola. Aos 61' Sérgio Oliveira tentou assustar Trigueira num livre longo, mas o guarda-redes dos beirões defendeu para canto.

Sérgio Conceição lançou Romário Baró e João Mário (saíram Sérgio Oliveira e Taremi), mas o FC Porto continuava sem soluções para 'matar' o jogo e era o Tondela quem começava a subir no terreno.

A dois minutos dos 90, Souley apareceu sozinho entre Diogo Leite e Manafá, mas o cabeceamento saiu por cima do travessão. Logo a seguir, Luis Díaz introduziu a bola na baliza do Tondela, mas o árbitro já tinha apitado por alegado fora de jogo do colombiano e de Toni Martinez.

O FC Porto conseguiu segurar a vantagem até ao apito final e prossegue assim com a defesa da Taça, que venceu na última época numa final frente ao Benfica. Nos oitavos de final, além dos 'dragões', estão já Académico de Viseu (II Liga), Sporting (I), Fafe (CP), Rio Ave (I), Estoril Praia (II), Moreirense (I) e Santa Clara.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.