Os portugueses Pedro Fraga/Afonso Costa, em ‘double sculls’, falharam hoje a passagem às meias-finais dos Mundiais de remo, a decorrer em Linz, na Áustria, e adiou para o Europeu de 2020 a hipótese de apuramento olímpico.

Na regata mais forte dos quartos de final, dado o nível das tripulações presentes, que teve como vencedores os italianos Stefano Oppo e Pietro Ruta, com 6.19,35 minutos, Pedro Fraga e Afonso Costa terminaram na quarta posição, com 6.21,05.

Acompanham os italianos na passagem às meias-finais os noruegueses Kristoffer Bruno e Are Strandli, que registaram 6.19,83 minutos para cumprir os 2.000 metros da regata, e os neozelandeses Mathhhew Dunham e Harrisson Somerville, que fecharam em terceiro com 6.20,43.

Os três primeiros classificados de cada uma das quatro regatas passam às meias-finais e as sete duplas mais bem classificadas nos Mundiais têm garantido o apuramento olímpicos para Tóquio2020.

Pedro Fraga e Afonso Costa, que vão ainda participar nas meias-finais C/D, têm uma derradeira hipótese de se qualificarem para os Jogos Olímpicos Tóquio2020 no Europeu do próximo ano.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.