Esta quarta-feira, a polícia de Los Angeles confirmou que já são conhecidas as causas do acidente de viação de Tiger Woods, a 23 de fevereiro deste ano.

As causas ainda não foram reveladas publicamente porque as autoridades estão à espera da autorização do núcleo próximo de Tiger Woods.

Alex Villanueva, xerife da polícia de Los Angeles, esclareceu que este é o ponto final na investigação. "Foi determinada uma causa e a investigação terminou", garantiu.

"Entrámos em contacto com Tiger Woods e com as pessoas mais próximas. A divulgação de informação fica pendente de alguns problemas de sigilo e perguntaremos às pessoas que o rodeiam se estão dispostas a renunciar a tal circunstância. Em caso afirmativo, realizaremos um comunicado com todas as informações sobre o acidente", acrescentou Villanueva.

Recorde-se que, a 23 de fevereiro, Tiger Woods teve um acidente de automóvel em Hawthorne Boulevard, Los Angeles. O golfista norte-americano sofreu ferimentos graves e precisou de ser operado a lesões nas pernas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.