O Real Madrid conquistou hoje pela quinta vez a Supertaça Europeia, igualando o recorde de AC Milan e Barcelona, ao vencer o Eintracht Frankfurt por 2-0, em Helsínquia, na Finlândia.

O austríaco David Alaba, aos 37 minutos, e o francês Karim Benzema, aos 65, para se isolar como o segundo melhor marcador da história dos espanhóis, com 324 golos, selaram o triunfo dos campeões europeus em título.

A formação ‘merengue’ repetiu as conquistas de 2002, 2014, 2016 e 2017, ficando com os mesmos cinco troféus dos italianos do AC Milan (1989, 1990, 1994, 2003 e 2007) e dos rivais do Barcelona (1992, 1997, 2009, 2011 e 2015).

Desta vez, o registo para a história foi de Benzema, que somou o golo 324 pelos ‘merengues’ e ficou isolado no segundo lugar do ‘ranking’, à frente de Raúl (323) e apenas atrás de Cristiano Ronaldo (451), que vai agora perseguir, precisando de mais três épocas como a anterior (44 golos).

Mesmo com menos bola, o Eintracht Frankfurt conseguiu equilibrar jogo durante a primeira meia-hora, mas os 'merengues' foram crescendo e chegaram ao 1-0 ao minuto 38, por David Alaba: após canto da direita, Benzema ganhou de cabeça num primeiro momento, Casemiro tocou para trás no ar e o austríaco encostou para o fundo das redes.

Veja o golo

Na segunda parte, já depois de um remate ao ferro de Casemiro, o Real Madrid chegou com naturalidade ao 2-0, pelo suspeito do costume: Mendy lançou Vinícius pela esquerda, o brasileiro entrou na área e serviu Karim Benzema, que finalizou de primeira (65'), sentenciando o encontro.

A partida ficou sentenciada, merecendo apenas registo, até final, as estreias oficiais de Tchouameni (custou 80 milhões de euros) e Rüdiger, que entraram aos 85 minutos.

Veja o golo

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.