O Tondela perdeu esta noite no terreno do Sporting, por 2-0, em jogo da 12.ª jornada. Josh Viela, treinador adjunto do Tondela que substitui Pako Ayesterán no banco de suplentes do Tondela em Alvalade, face à infeção com COVID-19 do treinador principal do conjunto beirão, abordou as ausências com que teve de lidar.

VEJA AS MELHORES IMAGENS DO ENCONTRO

"As baixas às vezes acontecem por lesões, neste caso é por COVID. A COVID está entre nós e temos de encontrar soluções. A equipa mostrou personalidade, os jogadores mostraram a sua melhor versão e o Tondela foi muito competitivo num cenário muito complicado", começou por frisar.

Sobre o jogo, reconheceu a supremacia do Sporting. "O resultado é inamovível. Todos conhecemos as capacidades ofensivas do Sporting e hoje aproveitou as oportunidades que teve. Nós tentámos aproveitar as costas do Sporting, mas não marcámos as ocasiões que criámos e por isso acho que o resultado é justo", admitiu.

O guarda-redes do Tondela, Pedro Trigueira, também falou sobre os casos de COVID-19 que atingiram a equipa. "Os nossos colegas e o míster tiveram a infelicidade de apanhar Covid. Mexe connosco, mas não pode ser isso que nos obriga a não fazer aquilo para o qual temos vindo a trabalhar durante a semana e acho que provámos a todos que conseguimos implementar o nosso futebol", afirmou.

Sobre a derrota, lamentou que os golos do Sporting tenham surgido logo a abrir cada uma das partes. "Infelizmente sofremos muito cedo, tanto na primeira parte como na segunda, mas acho que o que conseguimos fazer em campo foi mais importante do que o resto", sublinhou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.