Ricardo Soares não vai estar no banco do Gil Vicente diante do Sporting, em jogo da 32.ª jornada da I Liga de Futebol. O técnico apresentou uma providência cautelar junto do Tribunal Arbitral do Desporto para suspender o castigo de 15 dias que lhe foi aplicado mas o TAD não deu resposta em tempo útil, avança o jornal 'A Bola'.

Sendo assim, Ricardo Soares irá falhar o duelo com o Sporting em Alvalade.

Os gilistas esperavam uma decisão do TAD até às 19h30 desta sexta-feira, hora de fecho do tribunal, mas não lhes foi comunicada qualquer decisão. O tribunal deverá pronunciar-se sobre o pedido apenas na segunda-feira, já depois do jogo com o Sporting.

O treinador do Gil Vicente foi suspenso pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol por 15 dias pela expulsão no jogo com o Paços de Ferreira. De acordo com o relatório do árbitro, terá utilizado linguagem ofensiva: "Isto é uma vergonha, vocês são uma vergonha", terá dito Ricardo Soares.

Na conferência de imprensa desta tarde, onde fez a antevisão do duelo com os campeões nacionais, Ricardo Soares estava convicto que o seu castigo ia ser suspenso, o que não aconteceu.

"Acredito que posso estar no banco, acho que irei estar. Acredito que as regras são para todos. Não pode haver outras regras, estamos a utilizar as regras que outros já utilizaram e foram a jogo. Não me passa pela cabeça que possam existir duas regras. Tenho a certeza que os meus jogadores com ou sem treinador estão preparados para fazer no campo aquilo que foi projetado", disse.

Sobre o castigo que lhe foi aplicado, Ricardo Soares apresentou a sua defesa e mostrou-se indignado com a decisão.

"Pelo que vi percebi que o quarto árbitro não achava que era penálti, o VAR também achou o mesmo e, pelos vistos, o concelho de disciplina teve o mesmo entendimento porque não nomeou o árbitro nesta jornada. Sei que perdi dois pontos por um erro inqualificável do árbitro. Para quem objetivos, pode ser suficiente, acredito que não o vai ser, mas pode ser suficiente para retirar o Gil Vicente do 5º lugar. Apanhei um castigo de 2805 euros, não sei quantificar o objetivo disto. Mais 15 dias de suspensão. Somos aconselhados a não falar das arbitragens, tenho mesmo essa preocupação e causa-me confusão estar a falar sobre isto. Mas tenho de fazer a minha defesa. Apenas disse ‘vocês são uma vergonha’. Quem me digam que palavra ou adjetivo devo utilizar? O treinador vive de bons resultados, o árbitro de boas prestações. Se o árbitro não faz um bom trabalho, eu não o posso prejudicar, agora eu posso fazer um mau trabalho por culpa de erros inqualificáveis. Podem prejudicar a minha carreira e o clube. Será que não podemos dizer nada? Já não sei qual será o impacto destas minhas palavras, mas não estou preocupado com isso. O que me preocupa são 2805 euros de multa e 15 dias de suspensão. Estamos a falar de um penálti que ninguém compreendeu, exceção ao Rui Costa. Questiono-me do que poderia ter dito de diferente para não ser castigado?", questionou.

O Sporting-Gil Vicente está marcado para às 20h30 de domingo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.