Guilherme Siqueira chegou ao Benfica na temporada 2013/2014, por empréstimo do Granada, para reforçar o setor defensivo do plantel de Jorge Jesus. Em entrevista à FOX Sports Brasil, o defesa recordou os momentos que passou na equipa lisboeta.

"Até a equipa entender o jogo do Jorge Jesus demora porque ele é um dos poucos treinadores que joga com uma linha muito alta. Joguei no Benfica durante um ano assim, tínhamos uma linha defensiva onde eu, o Garay, o Luisão e o Maxi Pereira, tínhamos de trabalhar na perfeição. Se a equipa não funciona de forma perfeita, acaba por sofrer contra-ataques. Mas quando Jorge Jesus consegue encaixar a equipa, quando os 10 mais o guarda-redes conseguem trabalhar de forma coletiva, ele cria uma equipa que sufoca o tempo inteiro", referiu Siqueira.

O defesa brasileiro lembrou ainda que "Jorge Jesus entende muito rapidamente a dinâmica da equipa. Quer que todos trabalhem de forma agressiva durante 90 minutos, não olha para o marcador ou para o adversário. É perfeccionista, quer que a equipa seja agressiva durante 90 minutos. Na minha primeira semana no Benfica tive que mudar a minha maneira de jogar, ele procura a perfeição e não deixe que o atleta se acomode".

Siqueira vestiu a camisola do Benfica durante uma temporada na qual somou 33 jogos e um golo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.