Paulo Sérgio marcou presença no programa 'Futebol Total' do Canal 11 para abordar a época do Portimonense. O treinador dos algarvios aproveitou para falar da escaramuça em que se viu envolvido com o seu homólogo Sérgio Conceição durante o jogo com o FC Porto, da 24.ª jornada da I Liga, no Algarve.

"Prefiro os Sérgios Conceições da vida aos outros que mandam a pedra e escondem a mão. Prefiro homens como o Sérgio, olho no olho […] Se ninguém andasse ali a agarrar-nos, provavelmente teríamos dado um aperto de mão lá dentro e sabido entender-nos", comentou Paulo Sérgio, antes de explicar o que esteve na origem do desentendimento entre ambos, que acabou na expulsão dos dois.

"Anão", "Palhaço". Jornal revela a discussão entre Sérgio Conceição e Paulo Sérgio
"Anão", "Palhaço". Jornal revela a discussão entre Sérgio Conceição e Paulo Sérgio
Ver artigo

"Nunca falo para o meu adversário. O Sérgio falou para mim, eu respondi e gerou-se ali uma discussão. Havia uma falta contra a minha equipa, eu estava a falar para o árbitro, ele dirigiu-se a mim e eu respondi-lhe. Na sequência há o golo do FC Porto, há mais uma provocação e desentendemo-nos", recordou.

Na altura, Paulo Sérgio aproveitou para pedir desculpas pelo seu comportamento.

"Quero pedir desculpa aos meus jogadores, pedir desculpa em geral, foi a primeira vez na minha carreira que fui expulso e acho que isso diz tudo. Nunca tinha sido expulso anteriormente e uma das coisas que falo com os meus jogadores é para não se deixarem ir na emoção e eu cometi esse erro. Como tal, tenho de pedir-lhes desculpa e fico-me por aí. As imagens são esclarecedoras e não tenho mais nada a dizer", frisou, no final do encontro.

Também Sérgio Conceição lamentou a situação.

"São coisas de quem vive de forma apaixonada, lá está às vezes exagerada, da nossa parte. Nada de especial, o que acontece ali fica ali. Lamento a situação, obviamente, mas são coisas que se passam dentro de campo. Com público aconteciam exatamente as mesas coisas", atirou.

O treinador do Portimonense defendeu ainda a continuidade de Sérgio Conceição no FC Porto, recordando o trabalho que fez nos Dragões nos últimos quatro anos.

"Admiro o Sérgio, acho que a melhor contratação do FC Porto para a próxima época é ficar com o Sérgio. O trabalho que ele fez, nas condições em que o fez, é brilhante. Não tenho nada contra ele, um dia quando nos encontrarmos havemos de resolver a nossa questão", garantiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.