O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol anunciou, quarta-feira, a instauração de dois processos disciplinares relacionados com o FC Porto e outro relacionado com o Sp. Braga.

No caso do clube minhoto, o processo deve-se a declarações publicadas na newsletter oficial do clube, na qual são feitas duras criticas à arbitragem. Nessa newsletter, publicada após a derrota com o Benfica, são feitas duras criticas à arbitragem de João Pinheiro, críticas que tiveram "repercussão na comunicação social, sob o enfoque das ofensas à honra ou consideração, nomeadamente de agentes de arbitragem".

No que toca ao FC Porto, Francisco J. Marques, diretor de comunicação dos 'dragões', viu ser-lhe aberto um processo igualmente por "declarações proferidas na comunicação social, sob o enfoque das ofensas à honra ou consideração, nomeadamente de agentes de arbitragem", enquanto o outro processo deriva de uma queixa do Sporting e é dirigido a Fernando Saúl de Sousa, speaker do Estádio do Dragão, na sequência de publicações nas redes sociais com insultos dirigidos a Cristiano Ronaldo e à sua família.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.