Declarações de Bruno Pinheiro, treinador do Estoril, depois da derrota frente ao Sporting, por 1-0.

O jogo: “Acho que é um resultado justo, o Sporting foi mais dominador, embora tenhamos consentido esse domínio, mas soubemos fechar os caminhos da nossa baliza. Pena que na primeira parte não conseguimos sair em algumas transições que nos podiam ter sido favoráveis, acabámos por ter alguns erros nas saídas de bola e foi aí que surgiram algumas situações de perigo do Sporting. Na segunda parte o jogo controlado, o mesmo ritmo, infelizmente concedemos um penálti e fomos atrás o resultado. Tentámos, mas não fomos suficientemente capazes de contrariar e perdemos o jogo”

Boas indicações: “Muito orgulho por este grupo de trabalho, os jogadores são fantásticos, tenho o privilégio, já no ano passado, de liderar um grupo de homens realmente profissionais, muito sérios, muito familiares. Este ano, aparentemente, estamos a criar um grupo com o espírito muito idêntico. Ainda hoje dos 20 convocados eram da época passada, 10 jogadores novos, que chegaram na parte final do mercado. Estamos a passar por um período de adaptação, de integração, de nos conhecermos. Julgo que daqui a umas semanas iremos estar ainda mais fortes, pelo menos é o nosso desejo”

Trabalho de treinador para impedir que equipa abale com a primeira derrota: “Acho que o trabalho está feito quando os jogadores sentem que foram competentes e acreditam no que é feito, o treinador não tem muita preocupação, o treinador tem que propor uma ideia de jogo que faça com que os jogadores acreditem. Sinceramente acho que eles acreditam na ideia de jogo e quando assim é, não é preciso nenhum trabalho, sabem que mais cedo ou mais tarde voltam às vitórias”

Derrota não leva a mudanças nas ideias de jogo: “Não, iremos continuar com a mesma ideologia, com os mesmos princípios, trabalhar para ser feliz”

Também Patrick William, jogador do Estoril, falou aos microfones da Sport TV, após o encontro frente ao Sporting.

O jogo: “Um grande jogo, um grande espetáculo, um jogo de igual para igual. As duas equipas tiveram oportunidades, mas o Sporting foi mais eficaz. Infelizmente sofremos com um penálti, mas não nos deixamos abalar com isso e continuamos a trabalhar”

Exibição individual: “As boas exibições são consequência do trabalho da semana, é resultado do nosso trabalho. Quando o coletivo é muito bom, seguimos focados, confiantes, sabemos que os resultados melhorarão”

Impacto: “Éramos e somos, seguimos. Independentemente da derrota de hoje, do próximo jogo, vamos jogar sempre de igual para igual, independente do adversário, vamos seguir com o mesmo plano de jogo: jogar mais e melhor que o adversário”

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.