O Boavista anunciou hoje uma parceria solidária com a Cruz Vermelha Portuguesa, cuja imagem será divulgada nas camisolas durante os jogos do clube da I Liga de futebol a partir de domingo, na receção ao Belenenses SAD.

“O Boavista tem a obrigação de estar no pelotão da frente no combate à pobreza e foi por isso que nos disponibilizámos para ajudar a Cruz Vermelha Portuguesa nesta fase particularmente difícil que a sociedade atravessa”, explicou o presidente Vítor Murta, em declarações divulgadas no sítio oficial dos ‘axadrezados’ na Internet.

Entre outras ações, o Boavista pretende angariar fundos que revertam para aquela instituição de cariz humanitário até ao final da época, sendo que os donativos podem ser feitos em nome da Cruz Vermelha Portuguesa, através do IBAN PT50001000003537292000198 ou pelo contacto 761202222.

“Os clubes de futebol têm obrigações sociais e nós queremos ser mais uma ferramenta que a Cruz Vermelha Portuguesa possa utilizar no combate à pobreza e à desigualdade”, acrescentou o líder máximo das ‘panteras’, visando uma melhoria de recursos da instituição no apoio prestado às famílias afetadas pelos efeitos da pandemia de covid-19.

Vítor Murta oficializou a parceria no Estádio do Bessa, ao lado do presidente da Cruz Vermelha Portuguesa, Francisco George, que enalteceu os portuenses como “um exemplo e modelo, que não podem limitar a sua ação à vertente meramente desportiva”.

“Um clube é muito mais do que isso, tem de assumir a sua responsabilidade social e o Boavista está a dar um excelente exemplo à sociedade. É o primeiro clube a assinar um protocolo com a nossa instituição. Vamos aproveitar este casamento para potenciar o nosso trabalho de ajuda às populações mais vulneráveis”, apontou o dirigente.

Em 2019, a instituição humanitária não-governamental auxiliou mais de 47.350 famílias vulneráveis, 250 refugiados, 29.273 vítimas de violência doméstica, 6.943 crianças integradas em creches, pré-escolas, centros de atividade de tempos livres e centros de acolhimento temporário, 3.900 idosos vulneráveis e mais de 5.000 reclusos.

O Boavista, 15.º colocado, com seis pontos, recebe o Belenenses SAD, na 13.ª posição, com sete, no domingo, às 17:30, no Estádio do Bessa, no Porto, em jogo da oitava jornada da I Liga.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.