José Eduardo Moniz foi esta quarta-feira suspenso 45 dias pelo Conselho de Disciplina da Fedração Portuguesa de Futebol (FPF).

Em causa estão declarações do vice-presidente do Benfica, proferidas a 22 de fevereiro, sobre as arbritragens do Tondela-Sporting e Estoril-FC Porto.

"Nem no tempo do Apito Dourado existe memória de uma semana tão negativa e com decisões tão escandalosas com reflexos diretos nos resultados como esta semana", disse na altura José Eduardo Moniz, em entrevista à Rádio Renascença.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.