O Paris Saint-German apresentou Christophe Galtier como novo treinador da equipa principal de futebol. O técnico francês de 55 anos vai ocupar o lugar do argentino Maurício Pochettino, despedido na manhã desta terça-feira.

"O Paris Saint-Germain tem a satisfação de anunciar a nomeação de Christophe Galtier para o cargo de treinador principal da sua equipa profissional. O técnico francês vincula-se com um contrato de duas épocas, até 30 de junho de 2024", refere o clube.

Galtier, que orientava o Nice, assinou por duas temporadas com os campeões franceses e será treinador dos portugueses Nuno Mendes, Vitinha e Danilo Pereira no Parque dos Príncipes. O francês, de 55 anos, que deixou o Nice no final de junho, é o sétimo treinador da equipa de futebol desde a entrada no clube do Fundo de investimento do Qatar (QSI).

Na sua apresentação, ao lado do presidente do clube, Nasser Al-Khelaïfi, o técnico disse que Luís Campos foi crucial na sua escolha

"Estou ciente do desafio. Sei o que vou enfrentar e sinto-me capaz. Juntos somos mais fortes. Quando Luís Campos me falou do projeto, não demorei muito para decidir. A presença dele foi decisiva, assim como a mensagem do presidente. Encaro isto com muita determinação. É normal que haja muitas expectativas, entendo isso, mas é preciso trabalhar", começou por dizer.

Questionado sobre que jogadores gostaria de ter no clube, o novo treinador 'passou a bola' ao português.

"O Luís trata disso, trabalhei muito em contratações com ele. Se houver coisas que não gosto eu digo, mas também falo com o Luís e acabamos por decidir os dois", explicou Galtier.

Uma das estrelas do plantel com futuro incerto é Neymar. A imprensa francesa escreve que o brasileiro está na porta de saída mas o novo treinador já avisou que conta com ele.

"Evidentemente que defendo a permanência do Neymar. Quando temos jogadores de classe mundial, é melhor tê-los do nosso lado, do que contra", atirou.

O técnico vai começar agora a preparar a próxima época nos campeões franceses, numa temporada onde o objetivo principal será a conquista da Liga dos Campeões.

Na sua carreira como treinador, Christophe Galtier orientou o Saint-Étienne (2009-2017) o Nice (2021-2022), e o Lille (2017-2021). A nível individual, foi eleito por três vezes Melhor Treinador da Liga Francesa (2013, 2019 et 2021).

O primeiro teste da equipa é no dia 15 de julho com o Quevilly-Rouen, da segunda divisão francesa. Depois o PSG vai fazer uma excursão pelo Japão a partir de 16 de junho.

O primeiro jogo oficial será no dia 31 de julho contra o Nantes, em Tel-Aviv, partida da Supertaça francesa.

Ano de mudanças no PSG

Galtier vem completar algumas mudanças anunciadas nos últimos tempos, com a saída do diretor desportivo Leonardo e a entrada do português Luís Campos, já depois de o clube ter renovado contrato com Kylian Mbappé, que era desejado pelo Real Madrid.

O novo treinador foi campeão pelo Lille em 2020/21, num período em que coincidiu no clube com Luís Campos, que era o diretor-desportivo.

O PSG, que desde 2009 teve como treinadores Antoine Koumbaré (2009/2011), Carlo Ancelotti (2011/2013), Laurent Blanc (2013/2016), Unai Emery (2016/2018), Thomas Tuchel (2018/2020) e Mauricio Pocchetino (2021/22), ainda persegue o primeiro título na Liga dos Campeões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.