O FC Porto pode vir a ser castigado pela UEFA. De acordo com Steven Gerrard, treinador do Rangers, os adeptos dos 'dragões' atiraram moedas e isqueiros em direção aos jogadores da sua equipa quando estes festejavam o golo do empate no Dragão, na passada quinta-feira.

Diz o jornal escocês 'Evening Times' que o treinador do Rangers quer ver a UEFA tomar medidas sobre o caso e a castigar os azuis-e-brancos pelo comportamento dos seus adeptos no jogo da Liga Europa.

"É algo que a UEFA deve investigar para ver se os adeptos do FC Porto são culpados uma vez que não queremos que isso aconteça e é perigoso. Não há justificação e é por isso que devem existir castigos e repercussões. Connor mostrou os objetos ao árbitro, mas ele não quis fazer nada, o que é desapontante. A UEFA tem de intervir. O árbitro tem a responsabilidade de proteger os jogadores, por isso estou interessado em saber se isso vem no relatório", disse o Gerrard ao referido jornal.

A antiga estrela do Liverpool diz não perceber o ataque aos seus jogadores, já que estes "comemoraram o golo dentro das linhas de campo" e, por isso, "não fizeram nada de errado".

O FC Porto empatou a uma bola na passada quinta-feira frente ao Rangers, em jogo da 3.ª jornada da fase de grupos da Liga Europa. Os 'dragões' somam quatro pontos, os mesmos do Rangers. O Young Boys lidera o grupo G com seis pontos, o Feyenoord soma três, frutos da vitória sobre o FC Porto na Holanda.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.