Depois da pesada derrota em casa com o Ajax, o Sporting visita esta terça-feira o adversário teoricamente mais forte do grupo C da Champions, o Borussia Dortmund. A equipa de Rúben Amorim entrou na liga milionária da pior forma, ao perder 5-1 na receção aos neerlandeses, enquanto os alemães foram até à Turquia vencer o Besiktas por 2-1.

Guia de forma

O Sporting visita o Signal Iduna Park com apenas uma derrota averbada em todas as provas, precisamente na Liga dos Campeões. De resto, nos nove jogos realizados até ao momento, o Sporting soma ainda seis vitórias e dois empates, além de já ter conquistado um troféu, com a vitória da Supertaça, derrotando o SC Braga.

No última sexta-feira, a equipa leonina suou para levar de vencida o Marítimo, na partida que abriu a 7.ª jornada da I Liga. Tal como na ronda anterior, foi Pedro Porro, na conversão de uma grande penalidade - que surgiu já no período de descontos do segundo tempo - a assinar o único golo do jogo.

Em sentido inverso, o Dortmund perdeu na deslocação ao terreno do Borussia Mönchengladbach, por 1-0, num jogo marcado pela expulsão do médio Mahmoud Dahoud, por acumulação de amarelos, aos 40 minutos. Raphael Guerreiro foi titular nos 'amarelos' (foi substituído aos 82 minutos), que seguem no quarto lugar da Bundesliga, com 12 pontos.

Erling Haaland, estrela maior da equipa germânica, está em dúvida para o duelo desta terça-feira. O goleador norueguês apresentou problemas musculares e falhou a visita de sábado ao Borussia Mönchengladbach, assim como Marco Reus, neste caso devido a uma inflamação num joelho.

No lado do Sporting, Gonçalo Inácio e Pedro Gonçalves, ainda a realizarem tratamento às respetivas lesões, continuam a ser os únicos nomes no boletim clínico e fora das opções de Rúben Amorim.

Histórico

O Sporting realizou apenas dois jogos oficiais com o Borussia Dortmund, ambos a contar para a fase de grupos da Liga dos Campeões de 2016/17 e vencidos pelo emblema germânico.

Em Alvalade, Aubameyang e Julian Weigl, atual jogador do Benfica, marcaram os golos que valeram o triunfo por 2-1, com os 'leões' a marcarem por intermédio de Bruno César. Duas semanas depois, a equipa então orientada por Jorge Jesus voltaria a perder frente aos alemães, no Signal Iduna Park, graças a um golo de Adrián Ramos, logo aos 12 minutos.

O que dizem os treinadores

Marco Rose: "Não é por acaso que eles [Sporting] são campeões portugueses, à frente do Benfica e do FC Porto. Têm ótimos jogadores, uma boa estrutura, com e sem bola sabem o que fazem. São uma boa equipa, mas para nós, em casa, trata-se de marcar três pontos e mandar um sinal para os adversários do grupo."

Rúben Amorim: "Haaland? "Eu durmo sempre descansado. Coisas do futebol não me tiram o sono, apenas más exibições ou quando os jogadores não dão tudo. O foco tem de estar na nossa equipa. O Borussia continua a ser uma grande equipa. A influência dele é muito grande. Há coisas que podem mudar, algumas transições do guarda-redes. O que queremos fazer não vai mudar consoante o adversário."

Árbitro

Srdjan Jovanovic foi o árbitro designado pela UEFA para dirigir a visita do Sporting ao Borussia Dortmund. O juiz sérvio, de 35 anos, vai estrear-se a apitar jogos dos 'leões', tendo como assistentes os compatriotas Uros Stojkovic e Milan Mihajlovic, ao passo que Novak Simovic desempenhará as funções de quarto árbitro, com o holandês Pol van Boekel no VAR.

O Dortmund-Sporting tem início marcado para as 20 horas e pode ser acompanhado AO MINUTO no SAPO Desporto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.