Depois de alguma incerteza, está confirmado: a Inglaterra vai mesmo receber a Islândia no Estádio de Wembley no próximo dia 18.

O governo de Boris Johnson aceitou o pedido da Federação Inglesa (FA) para que a seleção islandesa fosse alvo de uma exceção ao regime de restrições impostas para entrar no Reino Unido.

"Esta medida temporária e extremamente limitada permitirá que os jogadores e o staff fiquem isentos dos novos requerimentos e irá permitir diminuir qualquer disrupção aos próximos jogos de Inglaterra na Liga das Nações", lê-se no comunicado do Departamento dos Transportes britânico.

Chegou a colocar-se a hipótese de realizar a partida na Albânia ou na Alemanha devido ao facto da Islândia estar impedida de entrar no Reino Unido depois de defrontar a Dinamarca, em Copenhaga, no próximo domingo.

Nova estirpe da COVID-19 detetada em martas pode levar o Inglaterra-Islândia para a Albânia
Nova estirpe da COVID-19 detetada em martas pode levar o Inglaterra-Islândia para a Albânia
Ver artigo

O governo britânico proibiu a entrada de viajantes provenientes do território dinamarquês depois da descoberta de uma nova estirpe da COVID-19, que levou ao abate de milhares de martas.

A FA tinha pedido esta quinta-feira que o governo considerasse a hipótese de um regime de exceção para a seleção islandesa, com a garantia de que os jogadores permanecerão numa bolha, saindo apenas para o estádio e serão sujeitos a testes "além dos normalmente exigidos a cada participante e staff no jogo".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.