No final de outubro, o antigo treinador do Arsenal Arsène Wenger  disse à estação televisiva britânica Sky Sports que espera regressar ao ativo no início de 2019, embora não saiba que equipa de futebol treinará. Esta segunda-feira é apontado mais um clube com interesse no treinador francês.

Segundo avança a 'Bild', Arsène Wenger é um dos nomes na lista para suceder a Niko Kovac, atual treinador do Bayern de Munique, mas que tem sido contestado devido aos fracos resultados e exibições do emblema da baviera, que esta terça-feira recebe o Benfica para a fase de grupos da Liga dos Campeões.

Sem clube desde o último verão, altura em que deixou o comando técnico do Arsenal, que dirigiu durante 22 anos, Arsène Wenger é um 'amor antigo' do Bayern de Munique, que há muito sonda o treinador francês por apreciar os seus 'métodos'.

Mas, para conseguir a contratação de Arsène Wenger, o Bayern de Munique tem de fazer frente aos restantes clubes interessados no treinador francês, como o AC Milan, Real Madrid e Paris Saint-Germain.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.