O advogado de Rúben Semedo declarou, esta segunda-feira, que o defesa português do Olympiacos "nega a acusação" de violação de uma menor de idade.

"O meu cliente nega a acusação, lamentando o facto de ter sido exposto e de ter dado uma declaração à força. Quando acusamos alguém deveria ser algo com suporte em algum comportamento. Há evidências sólidas que impedem a acusação", começou por dizer Stavros Georgopoulos em declarações à saída do Ministério Público de Evelpidon, em Atenas, reproduzidas pelo jornal Record.

"Quando a virem [a alegada vítima] vocês vão dizer-me se ela parece que tem 17 ou 23-24 anos. Eles estiveram juntos durante 15 horas, é inconcebível que seja acusado por isso", acrescentou.

O advogado referiu que a jovem alegou ter 19 anos no momento do encontrou com Rúben Semedo num bar na Grécia.

Semedo volta a ter problemas com a justiça depois de ter estado detido entre fevereiro e julho de 2018, na altura em que representava o Villarreal, por suspeitas de ter sequestrado, agredido a ameaçado um indivíduo com arma de fogo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.