O Real Madrid foi surpreendentemente eliminado na Taça do Rei de Espanha, ao perder por 2-1, após prolongamento, no campo do Alcoyano, do terceiro escalão do país.

No final da partida, Zinedine Zidane assumiu a responsabilidade pela derrota, mas rejeitou a ideia de "humilhação ou vergonha".

"Foi ridículo? É a tua palavra, não a minha", começou por dizer o treinador dos 'merengues', em resposta a um jornalista. "

"Isto é o futebol, são coisas difíceis que acontecem. Jogámos contra uma equipa da II Divisão B e tínhamos de vencer, mas não foi assim. Mas não é vergonha nenhuma, nada disso", acrescentou.

"São coisas que acontecem numa carreira, há que assumir a responsabilidade e eu assumo-a por inteiro. Vamos continuar a trabalhar, ultrapassar isto. Foi outro dia doloroso, porque não gostamos de perder, sobretudo os jogadores, que só querem ganhar. Mas não vamos ficar loucos. Vamos refletir e continuar a trabalhar", garantiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.