A Argélia está fora da Taça das Nações Africanas. A equipa de Brahimi e Slimani perdeu por 3-1 com a Costa do Marfim e terminou o grupo E no último lugar com apenas um ponto, conseguido diante da Serra Leoa, seleção que foi terceira. Os atuais campeões africanos deixam a prova com apenas um golo marcado em três partidas.

Grupo A
P J
1 Camarões 7 3
2 Burquina Faso 4 3
3 Cabo Verde 4 3
4 Etiópia 1 3
Grupo B
P J
1 Senegal 5 3
2 Guiné Conacri 4 3
3 Malawi 4 3
4 Zimbabué 3 3
Grupo C
P J
1 Marrocos 7 3
2 Gabão 5 3
3 Comores 3 3
4 Gana 1 3
Grupo D
P J
1 Nigéria 9 3
2 Egito 6 3
3 Sudão 1 3
4 Guiné Bissau 1 3
Grupo F
P J
1 Mali 7 3
2 Gâmbia 7 3
3 Tunísia 3 3
4 Mauritania 0 3
Mais sobre CAN

Obrigada a vencer para se apurar, os 'Fenécs viram os 'Elefantes' ganharem vantagem aos 25 minutos pelo médio Frank Kessie (AC Milan), a passe de Nicolas Pepé (Arsenal). Antes do intervalo, 2-0 para a Costa do Marfim, aos 39 minutos por Sangaré, assistido por Serge Aurier.

No arranque do segundo tempo os marfinenses deram uma machadada forte nas aspirações argelinas com o 3-0, da autoria de Pepé, aos 54, a passe de Sebatian Haller (Ajax).

Riyad Mahrez, a estrela principal da Argélia, desperdiçou uma grande penalidade aos 60. Bendebka ainda reduziu mas a Argélia perderia mesmo por 3-1.

A Guiné-Equatorial bateu a Serra Leoa por 1-0 e terminou no segundo lugar do grupo com seis pontos, menos um que os marfinenses. Pablo Ganet, aos 38 minutos, fez o único tento do jogo. No segundo tempo, a Serra Leoa falhou uma grande penalidade, por Kamara, aos 85 minutos.

Apuram-se a Costa do Marfim, em primeiro com sete pontos, a par da Guiné-Equatorial que somou seis. Serra Leoa com dois e Argélia com um, ficam pelo caminho.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.