O Burkina Faso vai estar privado do ‘capitão’ Bertrand Traoré e de mais três futebolistas para o desafio de quinta-feira, com Cabo Verde, da Taça das Nações Africanas (CAN), devido a um surto do coronavírus, anunciou hoje o selecionador.

Segundo Kamou Malo, além do avançado do Aston Villa também o defesa Soumaila Ouattara, o médio Saidou Simporé e o avançado Dango Ouattara tiveram testes com resultado positivo.

Na estreia na prova, frente aos Camarões, orientados pelo português António Conceição, o Burkina Faso perdeu por 2-1, num desafio em que já estava privado de cinco atletas, pelo que a situação se agravou.

O Grupo A da CAN2021 é liderado pelos anfitriões Camarões e por Cabo Verde, que venceu a Etiópia por 1-0, ambos com três pontos, contra zero dos rivais.

A 33.ª edição da competição principiou no domingo e decorre até 06 de fevereiro, depois de ter sido adiada devido à pandemia da covid-19.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.