O Botafogo, que passou várias semanas no topo da Liga brasileira de futebol, despediu-se na noite de domingo da luta pelo título, enquanto o Bragantino, de Pedro Caixinha, ainda pode apurar-se diretamente para a Libertadores, na 37.ª e penúltima jornada.

Depois de ter começado a temporada sob o comando de Luís Castro e mais tarde com Bruno Lage, o Botafogo chegou a ter 13 pontos de vantagem sobre o Palmeiras no Brasileirão, mas ficou sem qualquer possibilidade de chegar ao título, somando o seu 10.º jogo seguido sem vencer.

Com uma ronda por disputar, o Botafogo passou a ter 64 pontos, caindo para o quinto posto, e ficou a cinco da equipa de Abel Ferreira, que só precisa de um empate para celebrar o bicampeonato.

Já o Bragantino recebeu e bateu o despromovido Coritiba, por 1-0, com um golo de Leo Ortiz, aos 75 minutos, e ainda tem possibilidade de chegar diretamente à Taça Libertadores.

Para isso, a equipa de Pedro Caixinha, sexta posicionada com 62 pontos, tem de bater na última ronda fora o Vasco da Gama e esperar por derrotas do Grémio (quarto com 65) e do Botafogo.

A última jornada do Brasileirão está agendada para quinta-feira de madrugada, quarta-feira ainda no Brasil.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.