O percurso da Team Spirit esteve longe de ser fácil, tendo inclusivamente caído para a Lower Bracket logo no início do campeonato, depois de uma derrota contra a Invictus Gaming por 2-1. Mas depois de ter sido repescada, a equipa nunca mais parou, cavalgando pela Lower Bracket até levantar a taça, tendo vencido a Fnatic, OG, Virtus.Pro, a vigança contra a Invictus Gaming e a Team Secret, antes de encontrar a PSG.LGD na final.

O torneio estava originalmente marcado para os dias 18 a 23 de agosto de 2020, na Avicii Arena em Estocolmo, mas devido à pandemia, a Valve decidiu adiar e acabou por se realizar na Arena Națională de Bucareste, na Roménia.

Este ano, o The International bateu o recorde de valores face ao anterior. Inicialmente o prémio é de 1,6 milhões de dólares, mas todos os Battle Passes vendidos de Dota 2 garantem 25% do valor somado ao bolo total. Para este ano, o total do prémio foi de 40 milhões de dólares, rendendo à equipa vencedora 18,2 milhões de dólares. A equipa finalista derrotada recebeu 5,2 milhões de dólares. E os prémios monetários continuaram a ser distribuídos pelas equipas, com o terceiro e quarto a receberem 3,6 e 2,4 milhões de dólares, a Team Secret e a Invictus gaming, respetivamente.

De recordar que as últimas duas edições tinham sido vencidas pela OG, tendo ganho pouco mais de 15 milhões de dólares na última edição. Nunca nenhuma equipa tinha ganho o campeonato duas vezes, ainda por cima seguidas, quebrando-se este ano o ciclo, tendo ficado este ano com o modesto sétimo lugar na competição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.