Os secretários de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, e do Turismo, Rita Marques, visitam hoje o Autódromo Internacional do Algarve, sendo esperado o anúncio da realização em Portugal da última das 15 provas do Mundial de MotoGP de 2020.

Esta possibilidade foi admitida na semana passada pelo próprio secretário de Estado João Paulo Rebelo.

“Há a possibilidade iminente de termos em Portugal um grande prémio de motociclismo, o que evidentemente é para nós uma grande notícia, ainda para mais ao termos o Miguel Oliveira no circuito”, disse o governante na quarta-feira.

O Mundial de MotoGP foi, este ano, reduzido a 15 corridas devido à pandemia de COVID-19, e a DORNA, empresa promotora do mundial de Velocidade em motociclismo, anunciou a entrada de uma nova corrida na Europa, devido ao cancelamento das provas de Argentina, Tailândia e Malásia.

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Federação Internacional de Motociclismo, o português Jorge Viegas, confirmou que "Portimão é uma hipótese" para acolher esta 15.ª prova.

"O Autódromo Internacional do Algarve (AIA) é circuito de reserva do Mundial de MotoGP nos anos de 2020 e 2021 e tem um pré-acordo para entrar no calendário em 2022", recordou.

O AIA vai receber, também, em 25 de outubro, uma prova do Mundial de Fórmula 1

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.