A Argentina desperdiçou hoje a possibilidade de se apurar já para os oitavos de final do Mundial de futebol feminino da França, ao empatar com a Escócia 3-3, em jogo realizado em Paris.

O resultado deixa as sul-americanas em terceiro lugar do grupo D, após três jornadas, e dependente dos resultados da última jornada nos grupos E e F, na quinta-feira.

O grupo foi ganho pela Inglaterra, que em Nice esteve novamente melhor que a concorrência e bateu o Japão por 2-0, confirmando o primeiro lugar - as nipónicas foram segundas.

As britânicas venceram com um 'bis' de Ellen White (14 e 84) e avançam para os oitavos, no domingo em Valenciennes, em princípio contra a China, mas podendo ser também Camarões, Nova Zelândia ou Chile.

Tudo vai depender ainda da colocação dos melhores terceiros - passam os dois primeiros de cada um dos seis grupos e ainda os quatro melhores terceiros.

O Japão, ainda assim, termina em segundo e jogará na terça-feira em Rennes contra o vencedor do grupo E, que será Canadá ou Holanda.

A Inglaterra, orientada por Phil Neville, não consegue grandes resultados - antes, 2-1 à Escócia e 1-0 à Argentina -, mas chega aos triunfos e termina o grupo destacadíssima, com nove pontos contra quatro do Japão e dois da Argentina.

Quanto à Argentina, fica a um golo apenas de garantir o seu objetivo, conseguindo uma bela recuperação de 0-3 para 3-3, no quarto de hora final.

Através dos golos de Little (19), Beattie (49) e Cuthbert (69), a Escócia 'tinha' a vitória assegurada. Mas a reação aconteceu mesmo, com golos de Menendez (74), Alexander (79, autogolo) e Bonsegundo (90+4), este de grande penalidade.

O torneio prossegue na quinta-feira com a última jornada dos grupos E, com os embates Holanda-Canadá e Camarões-Nova Zelândia, e F, com as partidas Suécia-Estados Unidos e Tailândia-Chile.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.