O selecionador de râguebi de Portugal mostrou-se hoje “feliz” pela vitória (22-11) sobre a Roménia, nas Caldas da Rainha, mas foi exigente ao alertar para a “falta de disciplina” da equipa, que impediu um resultado mais confortável.

Em declarações à agência Lusa, após o final do encontro que lançou a seleção para a liderança provisória do Europe Championship, Patrice Lagisquet enalteceu “o resultado e a exibição” dos ‘lobos’, mas criticou algumas decisões dos jogadores quando a equipa estava em vantagem.

“Estou feliz pela forma como marcámos os ensaios e como defendemos sobre a nossa linha durante alguns momentos, mas preocupado com a falta de realismo e paciência na segunda parte, que nos impediu de fazer mais um ou dois ensaios”, comentou o técnico francês.

Já o ‘capitão’ de equipa, Tomás Appleton, referiu que o “mais importante” do triunfo sobre os romenos foi “mostrar que Portugal está de volta” ao principal escalão europeu da modalidade, com exceção do torneio das Seis Nações.

“O excelente resultado foi fruto de um grande entrosamento conseguido entre um ‘pack’ avançado muito forte e a irreverência dos jogadores das linhas de três quartos”, sintetizou o centro da seleção portuguesa.

No percurso da seleção lusa, segue-se, agora, uma visita à Rússia, em 22 de fevereiro, que tanto o selecionador como o capitão ambicionam “ganhar”.

Portugal lidera o Europe Championship com oito pontos, fruto de duas vitórias, frente a Bélgica e Roménia, mas cairá no domingo para o segundo lugar, desde que Espanha e Geórgia não empatem no confronto que terá lugar em Madrid.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.