Pela terceira vez, a federação europeia de natação (LEN) faz ajustes de última hora no programa e, agora, a estafeta de 4x1.250 passa para a tarde de domingo.

A LEN explica que volta atrás no cancelamento por solicitação dos participantes nestes Europeus, que aceitaram um programa mais 'concentrado' das provas a decorrer junto à praia de Aostia.

A prova, que inicialmente deveria realizar-se sábado, terá na linha de partida o quarteto português composto por Angélica André, Mafalda Rosa, Tiago Campos e Diogo Cardoso, nadadores que também estarão nas provas individuais de 5 km e 10 km.

"Depois da reunião com os chefes de delegação, o comité técnico de águas abertas da LEN decidiu aceitar o pedido das equipas para que não se eliminasse a estafeta de 4x1.250 metros do programa", refere o comunicado divulgado pela LEN.

Outra medida hoje decidida foi antecipar das 14:00 para as 13:00 o início dos 25 km, sábado, "para que todos os participantes terminem com luz diurna".

No calendário agora fixado, sábado tem no programa as provas de 5 km, disputadas em simultâneo, e as de 25 km, também em simultâneo.

Domingo, a fechar os Europeus, nada-se a estafeta e as provas de 10 km.

Por imposição da comissão médica, quem estiver inscrito para os 5 km e os 25 km não poderá nadar as duas distâncias, terá de optar por uma delas. A alteração não afeta Portugal, que não tem inscritos para a distância mais longa.

Além dos quatro nadadores nas competições de águas abertas dos Europeus, Portugal teve em Roma 10 nadadores nas provas de natação pura e duas na natação artística, com um balanço até agora de duas medalhas de bronze, nove presenças em finais e 10 recordes nacionais.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.