O esloveno Matej Mohoric (Bahrain-Victorious) impôs-se hoje a João Almeida (UAE Emirates) na disputa ao ‘sprint’ no final da segunda etapa da Volta à Polónia em bicicleta, na subida para a meta, em Karpacz.

Mohoric foi mais rápido do que Almeida na aproximação à chegada, após 202,9 quilómetros desde Leszno, com o tempo de 04:56.59 horas, menos quatro segundos do que o polaco Michal Kwiatkowski (INEOS), que liderou o primeiro grupo perseguidor e termino em terceiro, quatro segundos depois.

O esloveno, de 28 anos, vencedor de três etapas no Tour, a última das quais há apenas nove dias, em Poligny, assumiu a liderança da prova polaca, destronando o belga Tim Merlier (Soudal Quick-Step), vencedor da etapa inaugural, assolada por uma tempestade – chuvas e ventos fortes - que levou a que a etapa fosse discutida por um grupo reduzido, situação também ‘fomentada’ por uma queda na parte final.

Após a vitória de hoje, naquele que é o terceiro triunfo da temporada, depois dos sucessos em etapas na Volta à Eslovénia e na Volta a França, Mohoric, vencedor da Milão-Sanremo em 2022 e de uma etapa no Giro2018 e na Vuelta2017, assumiu a liderança da corrida polaca, com quatro segundos de vantagem sobre Almeida, campeão em 2021, e 10 sobre Kwiatkowski, vencedor em 2018.

Ruben Guerreiro (Movistar) terminou a etapa de hoje na 23.ª posição, a 41 segundos dos dois primeiros, subindo ao 28.º posto da classificação geral, a 51 segundos de Mohoric.

Na segunda-feira, o pelotão da corrida polaca vai enfrentar os 162,3 quilómetros da terceira etapa, entre Walbrzych e Duszniki-Zdrój, numa viagem com três montanhas de segunda categoria, a última das quais a cerca de 14 quilómetros da meta.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.