Vencedor do Tour em 2019, Egan Bernal abandonou esta quarta-feira a presente edição da prova e já não vai estar na partida para a 17.ª etapa, que se corre esta quarta-feira, entre Grenoble e o Col de la Loze.
.
A desistência do ciclista colombiano foi anunciada pela sua equipa, a Ineos. "O objetivo agora é recuperar do Tour e focar-se nos objetivos para o que resta da época", acrescenta o comunicado emitido pela equipa britânica.

Apontado como um dos favoritos à vitória no Tour 2020, depois do categórico triunfo em 2019, Bernal viveu um dia complicado na prova no passado domingo, dia em que perdeu mais de sete minutos para o atual camisola amarela, o esloveno Primoz Roglic (Jumbo-Visma).

Até essa 15.ª etapa, Bernal seguia na luta pela camisola amarela, encontrando-se então a 59 segundos da Roglic.Porém, após o descalabro de domingo, caiu para o 16.º lugar da geral e o próprio reconheceu que era já impossível repetir a vitória de 2019 e voltar a chegar a Paris de amarelo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.