Em Paredes, Samaris fez o único golo do encontro, aos 26 minutos, assegurando a qualificação do Benfica para a fase seguinte, na qual também já estão FC Porto e Sporting de Braga. Jorge Jesus saiu da partida longe de estar satisfeito, lamentando as suas alterações que influenciaram o jogo.

"Estes jogos são sempre complicados. Mas a verdade é que o Benfica esteve melhor nos primeiros 45 minutos do que nos segundos. Na primeira tivemos uma boa qualidade de jogo, não deixámos o Paredes passar do meio campo defensivo. Criámos três oportunidades de golo fáceis, com o Cervi e o Ferreyra, e marcámos de bola parada, numa jogada trabalhada. Na segunda metade tentei mexer, pois os avançados não estavam a dar continuidade ao jogo. Mas mexi e piorei", disse, à TVI.

A quarta eliminatória da Taça de Portugal está agendada para o fim de semana de 12/13 de dezembro.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.