O Nápoles desperdiçou hoje a oportunidade de chegar ao primeiro lugar da Liga italiana de futebol, ao consentir um empate a um golo na deslocação ao terreno do 'aflito' Cagliari.

A 26.ª jornada da Serie A prosseguiu assim com resultados inesperados, que acabam por deixar tudo quase na mesma, já que após o empate do líder AC Milan, sexta-feira (2-2 com o Salernitana), se seguiu a derrota do Inter ante o Sassuolo (2-0) e agora este deslize dos napolitanos.

Na frente do campeonato, o Inter acaba por minimizar os estragos e só perde um ponto para os rivais: o AC Milan comanda com 56 pontos, em segundo e terceiro, com 54, estão Inter e Nápoles.

O destino do Nápoles até esteve para ser pior, já que perdia até ao minuto 87, quando foi 'salvo' da derrota pelo golo do nigeriano Victor Osimhen.

O Nápoles, hoje com o português Mário Rui a titular, mostrou-se mais cansado do que seria de esperar, depois da 'batalha' de quinta-feira no Camp Nou, contra o FC Barcelona, para a Liga Europa, em que arrancou um muito interessante 1-1.

Agora, na Sardenha, concedeu o controlo do jogo ao adversário e com naturalidade viu-se a perder aos 58 minutos, com o golo do uruguaio Gaston Pereiro.

Poupado a pensar na segunda mão dos 'play-off' da Liga Europa, Osimhen teve de ser lançado na partida para os últimos 25 minutos e acabou por ser essencial para o minimizar de estragos, com um belo golo de cabeça.

Também hoje, a fechar a ronda, o Bolonha bateu o Spezia, por 2-1, com um 'bis' de Marko Arnautovic.

O austríaco marcou aos 40 e 84, respondendo da melhor forma a uma vantagem inicial dos visitantes, golo do albanês Rey Manaj, aos 11 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.