O Nápoles comprometeu hoje a luta pelo título na Série A italiana de futebol, ao perder na visita ao Empoli, por 3-2, podendo ver Inter e AC Milan, que têm menos um jogo, ‘cavarem’ distâncias.

Contra todas as expectativas, a equipa de Mário Rui, em campo os 90 minutos, sofreu três golos nos últimos 10 minutos, no que foi um autêntico desnorte e quando vencia com dois golos de vantagem, de Mertens (44) e Insigne (53).

O descalabro aconteceu a partir dos 80, com o Empoli a reduzir por Liam Henderson, antes de Pinamonti fazer o 2-2, aos 83, e ainda bisar para o 3-2 aos 88, perante a incredulidade do Nápoles e do seu treinador, Luciano Spalletti.

Com a derrota, o Nápoles (67 pontos) mantém o terceiro lugar, independentemente do resultado de segunda-feira da Juventus, que está a quatro pontos, mas pode ver AC Milan (72) dilatar a vantagem, e, posteriormente, também o Inter (71).

Em outros jogos da 34.ª jornada, a Fiorentina também foi surpreendida no terreno da Salernitana, com a equipa ‘viola’ a sair derrotada por 2-1, podendo ver a Lazio capitalizar na luta pela Europa este desaire.

Não é uma tarefa fácil para os romanos, que têm 56 pontos de Fiorentina, mas hoje recebem o AC Milan.

Para a Salernitana, a vitória foi um ‘balão de oxigénio’ na fuga à despromoção, com a equipa, que é 18.ª e antepenúltima, a três pontos do Cagliari, a ter a terceira vitória consecutiva e a sexta em 33 jogos disputados.

Também durante a tarde, Bolonha e Udinese empataram 2-2 num jogo de ‘meio de tabela’, numa que prossegue ainda hoje com os jogos Génova-Cagliari e Lazio-AC Milan, e termina na segunda-feira com o Sassuolo-Juventus.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.