O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) anunciou hoje que vai tomar uma posição sobre o recurso do selecionador português de futebol, Fernando Santos, até segunda-feira.

No seu sítio oficial na Internet, o TAS confirma a receção do recurso de Fernando Santos ao castigo imposto pela FIFA de oito jogos de suspensão e à multa de 20.000 francos suíços (cerca de 16.500 euros), por conduta antidesportiva contra um árbitro no Mundial2014, quando era selecionador da Grécia.

“Juntamente com o seu pedido de recurso, o treinador avançou com um pedido de impugnação da decisão, para poder estar no próximo jogo oficial da seleção principal portuguesa [com a Dinamarca], a 14 de outubro. O TAS vai tomar uma posição a ou antes de 13 de outubro de 2014”, lê-se no sítio desta instância jurídica internacional.

O Comité de Apelo da FIFA rejeitou a 24 de setembro o recurso apresentado por Fernando Santos, confirmando os oito jogos de suspensão ao técnico português.

A 04 de agosto passado, a FIFA tinha suspendido Fernando Santos por oito jogos, devido a “conduta antidesportiva para com os árbitros” quando ainda comandava a seleção da Grécia, no jogo com a Costa Rica, dos oitavos de final do Mundial2014.

Caso se confirme a suspensão, Fernando Santos vai estar impedido de se sentar no banco em toda a fase de grupos de qualificação para o Euro2016, que vai ser disputado em França. A sua estreia oficial será numa eventual segunda mão do “play-off” de apuramento ou no segundo jogo da fase final, se Portugal se qualificar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.