A ‘briosa’, em comunicado, informou que não dispõe do número mínimo de jogadores para que o encontro se realize hoje no Estádio Cidade de Coimbra, devido a vários casos de infeção com o coronavírus.

“Realizada nova avaliação aos atletas, a nossa equipa não apresenta o número suficiente de jogadores disponíveis para a realização da partida”, refere a nota emitida durante a tarde.

No domingo, ao final da tarde, os ‘estudantes’ já tinham anunciado que só tinham 13 jogadores disponíveis para o jogo de hoje, cumprindo assim os regulamentos da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, cenário que hoje, com a realização de novos testes, se alterou.

No comunicado, a Académica informou ainda que os dois clubes se encontram reunidos para acordar uma nova data para realização do jogo.

Também a Liga Portuguesa de Futebol Profissional anunciou, em comunicado, que o jogo será “adiado para dia e hora a indicar”, evocando “as alterações regulamentares votadas pelos clubes, em Assembleia Geral Extraordinária, no passado dia 21 de dezembro, e que resultaram na atualização do Artigo 46.º - A do Regulamento das Competições, que teve com vista o reforço da integridade das competições”.

Com 16 jornadas disputadas, os ‘estudantes’ somam oito pontos, com apenas uma vitória, ocupando a 17.ª e penúltima posição da II Liga de futebol, enquanto o Rio Ave é quinto classificado, com 27 pontos, mas apenas 15 jogos realizados.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.