Sérgio Conceição fez a antevisão do encontro de sexta-feira com o Sporting de Braga, uma equipa agora orientada por Rúben Amorim, a quem o treinador dos 'azuis e brancos' deixou palavras elogiosas. O técnico dos 'dragões' começou por pedir o apoio dos adeptos num jogo que considera de crucial importância.

"Perspectivo um bom jogo de futebol. Espero um bom espetáculo, como Estádio do Dragão cheio de adeptos para nos apoiarem.E um jogo muito importante para nós. São três pontos que queremos muito somar neste nosso trajeto.

Diante de um Braga em crescendo com um novo treinador, que brilhou a grande altura ante o Belenenses mas que mostrou depois dificuldades contra o Tondela, Sérgio Conceição acredita que os minhotos têm uma dinâmica bem definida. "Não olhamos para os resultados das outras equipas, mas sim para o que é a sua dinâmica. Não acredito que tenha um Braga fantástico contra o Belenenses e um mau Braga contra o Tondela. Não foi um Braga bipolar. Os seus adversários é que foram diferentes e causaram problemas diferentes.", referiu o técnico

Conceição prosseguiu, depois, com elogios ao estilo de jogo que o novo treinador dos 'arsenalistas' está a tentar impor no conjunto minhoto. "Rúben Amorim ainda está a trabalhar no clube há pouco tempo, mas percebe-se bem qual a sua ideia de jogo nos diferentes momentos. É uma equipa com dinâmicas muito interessantes, com muita gente de qualidade nos flancos e com uma boa reação à perda de bola".

Rúben Amorim também deixou elogios ao FC Porto, mas garantiu que os minhotos iam procurar manter a sua identidade e tentar marcar no Dragão, onde o Porto sofre muito poucos golos. "A confiança é fundamental. Claro que há sempre dias em que estamos menos bem e acabamos por cometer erros, mas nós tentamos limitar ao máximo esses erros com muita solidariedade em campo. Até agora as coisas têm corrido bem, embora tenhamos cometido erros ao longo dos jogos. Trata-se de um processo contínuo e, sendo nós o Porto, temos de encontrar um equilíbrio entre defesa e ataque. Contra o Braga, uma equipa muito forte ofensivamente, esse equilíbrio vai ser decisivo".

Os horários dos encontros têm dado muito que falar, mas Sérgio Conceição não se quis alongar. "Temos um calendário apertado. Se me perguntarem se gostava que este jogo fosse disputado à tarde, claro que preferia e penso que não era por aí que Braga e Sporting iriam ter mais problemas. Mas a calendarização é esta e temos de a aceitar", concedeu.

Logo a seguir ao FC Porto defrontar o Braga, entram em campo. "Vamos olhar para o nosso jogo. Temos de olhar para o nosso jogo. Não adianta nada olhar para o que vai acontecer noutra cidade e para outros jogos se não vencermos o nosso", lembrou.

A fechar, Sérgio Conceição falou da folha clínica dos 'dragões', confirmando que o japonês Nakajima está definitivamente de fora do embate com o Braga e adiantando que Pepe continua em dúvida, mas que há ainda a possibilidade de recuperar. "Vamos ver", disse o homem do leme do FC Porto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.